5 sinais de alerta que o corpo dá semanas antes de um infarto

Você sabia que aproximadamente 30% das mortes que acontecem no Brasil são causadas por doenças cardiovasculares.

Vale ressaltar que as doenças ligadas ao coração são a maior causa de óbitos em todo o mundo, o que significa que este órgão necessário para a vida precisa de cuidados.

Entre todas as enfermidades coronarianas, o infarto é considerado o grande vilão. Conhecido como infarto agudo do miocárdio ou popularmente chamado de “ataque do coração ou ataque cardíaco, ele pode ser cruelmente fatal.

O seu corpo dá sinais de que há algo de errado com seu coração

Infarto agudo do miocárdio: quem tem mais risco de desenvolver? - Grupo  Biocentro

Talvez você não tenha notado que o seu corpo pode te dar vários sinais de alerta sobre muitos tipos de doenças, inclusive as que afetam o coração.

Na correria do dia a dia e com os mais diversos compromissos e preocupações, estes sinais podem passar desapercebidos, mas saiba, eles podem salvar sua vida.

Veja quais são os 5 sinais de alerta que o corpo dá semanas antes de um infarto:

CÓMO SOBREVIVIR UN ATAQUE CARDÍACO CUANDO ESTÁ USTED SOLO? - Radio Popular  de San Luis

1 – Dor na região torácica

Este é sem dúvida alguma um dos sinais de alerta mais comum sobre um infarto eminente. Muitas das vezes este é o primeiro e o mais importante sinal. A dor que indica o infarto começa no peito e pode se irradiar através dos ombros, costas, braças, pescoço e mandíbula. Esta dor surge de forma súbita.

2 – Falta de ar

A sensação de aperto no peito pode afetar os pulmões provocando dificuldades para respirar. O desconforto é tão grande que os pacientes reclamam de falta de ar.

3 – Má digestão, náusea, azia e dores abdominais

Este sintomas são facilmente confundidos com um desconforto digestivo, mas pode ser um alerta para que o médico pesquise mais a fundo, pois também são sinais de alerta para um possível infarto.

4 – Tontura

Algumas semanas antes de um infarto, também é possível vivenciar tonturas. Por isso, é importante “evitar dirigir nesse caso, pois arritmias e desmaios podem colocar em risco você e os outras pessoas”, ressalta o cardiologista Bruno Valdigem, do Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia.

5 – Suor frio

O mal-estar provocado na pessoa pela proximidade de um infarto pode provocar a sudorese. O suor frio geralmente vem acompanhado da tontura, quanto mais rápido procurar por ajuda médica, maiores são as chances de sobreviver.

LEIA TAMBÉM:

7 doenças que se espalham até mesmo pelo ‘beijo’ e você precisa saber

SAÚDE DA MULHER:

4 condições que podem afetar os ovários que você não pode ignorar

Fonte: Minha Vida



Escrito por Jornalista Web

Informação de qualidade em tempo real.