Urgente! Governo suspende pagamento do auxílio emergencial de milhares de beneficiários

O pagamento do auxílio emergencial de 922.600 beneficiários foram bloqueados pelo governo federal no mês de agosto.

De acordo com as informações do Ministério da Cidadania, foi recomendado pela CGU – Controladoria-Geral da União, a suspensão de mais de 300 mil e o cancelamento de 600 mil cadastros.

Ainda segundo as informações, a medida foi tomada depois que a CGU identificou indícios de que os trabalhadores deixaram de cumprir os critérios de recebimento do benefício.

Com esse bloqueio, o governo economizou mais de R$ 550 milhões do orçamento destinado ao pagamento do auxílio emergencial dos beneficiários que deixaram de receber no mês de agoasto.

Mas, a assessoria do Ministério da Cidadania, informou que muitos beneficiários que tiveram seus pagamentos bloqueados voltarão a receber a partir deste mês.

Sendo assim, estes beneficiários receberão o valor de R$600,00 acrescido do novo valor da prorrogação de  R$ 300. A pasta não informou quantos beneficiários terão seus benefícios cancelados definitivamente.

De acordo com a pasta, para aqueles que continuam obedecendo aos critérios de recebimento do benefício emergencial, o pagamento será restabelecido em setembro, com o valor retroativo que não foi pago em agosto.

O governo deixou claro que irá revisar pagamentos do auxílio emergencial e poderá até exigir a devolução do dinheiro a quem recebeu indevidamente.

Já o Bolsa Família não poderá ser cortado desde 20 de março, por conta da pandemia do novo coronavírus.

Auxílio emergencial; Governo define regras para novas parcelas e diz quem NÃO vai continuar recebendo o benefício

Fonte:YAHOO

Escrito por Rose